Manual de Sustentabilidade Ambiental em formato workshop

A Fundação do Futebol – Liga Portugal promoveu, esta quarta-feira, em parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, um workshop, por videoconferência, com as Sociedades Desportivas e a Sociedade Ponto Verde, sobre o projeto do Manual de Sustentabilidade Ambiental, desenvolvido nos Grupos de Trabalho de Responsabilidade Social. No total, marcaram presença 21 Sociedades Desportivas naquele que foi o momento em que puderam participar, esclarecer dúvidas e apresentar os seus projetos, relacionados com esta área.  

O pontapé de saída desta sessão foi dado pela Diretora Executiva Coordenadora da Liga Portugal, Sónia Carneiro, que falou da importância deste workshop e respetivo debate sobre a temática da sustentabilidade e boas práticas ambientais. “A consciencialização ambiental é cada vez mais um assunto relevante no nosso dia a dia." 

A responsável da Liga prosseguiu, reforçando que “a notoriedade que o Futebol Profissional tem nas suas comunidades, e na sociedade em geral, deve ser, obrigatoriamente, um veículo de promoção e divulgação às boas práticas ecológicas.” 

Sónia Carneiro destacou ainda o “excelente trabalho desenvolvido” resultado da parceria da Fundação do Futebol e da Sociedade Ponto Verde, que se tem traduzido em “pequenos passos que, a pouco e pouco, resultam em melhorias qualitativas para as Sociedades Desportivas, a sua comunidade, e até para a gestão financeira através da diminuição de consumos.” A Diretora Executiva Coordenadora da Liga concluiu desejando “que este seja o primeiro de muitos encontros e que daqui resultem cada vez mais iniciativas e boas práticas ambientais."

Já Luis Estrela, Coordenador da Fundação do Futebol – Liga Portugal, destacou que “este projeto pretende implementar no Futebol Profissional as boas práticas e iniciativas ecológicas”. O representante da Fundação do Futebol salientou ainda que “a troca de ideias é fundamental entre todas as Sociedades Desportivas, de forma a dar a conhecer todos os projetos e iniciativas que podem ser implementados.” 

Em representação da Sociedade Ponto Verde esteve Teresa Cortes, Coordenadora da área de Marketing, que destacou a “excelente sinergia” que existe com a Fundação do Futebol, naquela que é uma parceria que representa uma “janela de oportunidade para aparecer no desporto-rei”, e é sem dúvida “uma importante sinergia e forma de chegar a todos e falar sobre o ADN da Sociedade Ponto Verde: reciclagem e sustentabilidade.” 

Ao longo desta sessão foi ainda apresentado o Manual de Sustentabilidade Ambiental para o Futebol Profissional, pela consultora do Ponto Verde Serviços, Ana Ferreira. Um manual que, de resto, pressupõe um conjunto de boas práticas a adotar no âmbito da política dos 3 R’s: Reduzir, Reutilizar e Reciclar.  

Foram ainda apresentados quatro projetos de Sociedades Desportivas: o CD Mafra apresentou o projeto “Água – Uso Sustentável”, enquanto que o FC Porto exibiu o projeto “Apresentação das boas práticas ambientais”. Já o SL Benfica trouxe o “Projeto ECO Benfica”, com o Estoril Praia a apresentar o “Projeto Sustentável”. Projetos que, de resto, visam não só a redução da pegada ambiental, mas que também dão o mote para a implementação das boas práticas ambientais no Futebol Profissional, que inclusivamente permite reduzir financeiramente as contas das próprias Sociedades Desportivas.

Esta sessão encerrou com a Fundação do Futebol a disponibilizar, a todas as Sociedades Desportivas interessadas, um projeto de consultoria para as boas práticas ambientais, realizada pela Ponto Verde Serviços.

Partilhe nas redes