Direitos Humanos entraram em campo no Futebol Profissional

A Liga Portugal e a Fundação do Futebol acederam ao repto da Amnistia Internacional Portugal tendo na última jornada – segunda da Liga NOS e quarta da Liga Pro-, promovido um apelo conjunto ao respeito pelos Direitos Humanos. 

Em todos os encontros das competições profissionais, as equipas perfilaram-se perante o hashtag #EuJogoPelosDireitosHumanos, desafiando uma profunda reflexão sobre os mais elementares direitos da condição humana, por vezes, ainda muito desrespeitados.

As equipas do Futebol Profissional uniram-se pela causa, registaram o momento, e abrilhantaram o pré-jogo com valores essenciais no âmbito da Responsabilidade Social. 

De referir que a campanha “Eu Jogo Pelos Diretos Humanos”, promovida pela Amnistia Internacional Portugal, que tem a Liga Portugal como parceira estratégica, irá decorrer ao longo da época 2020-21, com várias ações previstas ao longo da época. 

O Futebol Profissional jogou, e jogará sempre, na defesa pelos Direitos Humanos.

Partilhe nas redes